Benchmarking Como Fazer Corretamente

Carreira Profissional

Benchmarking Como Fazer Corretamente

Prof. Bruno Marinho
Escrito por Prof. Bruno Marinho em outubro 9, 2020
JUNTE-SE A MAIS DE 150.000 PESSOAS!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Benchmarking é o nome que se dá para a estratégia que estuda a concorrência. Isto é, sempre que você faz uma análise mais profunda das práticas usadas pelos concorrentes, você está fazendo Benchmarking.

Antes de tudo, sabemos que é muito comum ouvir falar sobre “espionar os concorrentes”. Mas quero que você saiba que o Benchmarking é um processo mais complexo do que apenas observar o que a concorrência está fazendo.

Isso porque, quando você usa as artimanhas dessa estratégia, o seu objetivo deverá ser “aplicar as mesmas técnicas dos concorrentes no seu empreendimento”. Portanto, não é apenas “espionar”. Está mais para “replicar”, visando a redução de gastos e o ganho na margem de lucro.

Sendo assim, entenda que é preciso ter esse conceito bem formado em sua mente, a fim de garantir maior assertividade nas ações que você irá “copiar” do concorrente.

E antes que você pense que isso é errado ou pouco profissional, saiba que os grandes líderes de empresas multinacionais fazem Benchmarking o tempo todo.

Afinal, todo mundo quer ver sua empresa prosperando e por isso, é natural “copiar” o que o colega está fazendo, desde que, faça sentido para aquele negócio em específico.

Nesse caso, vale dizer que fazer Benchmarking é o mesmo que correr atrás de um negócio sustentável e consistente para o seu empreendimento.

Você também vai gostar de saber: “Como Elaborar um Plano de Ação?”

Benchmarking Como Fazer Corretamente

O que é Benchmarking?

Vamos tornar essa explicação um pouco mais ilustrada:

Vamos supor que você seja dono de uma pizzaria e, por alguma razão desconhecida, você não está tendo lucro com o seu negócio. Mas de repente, descobre que o dono da pizzaria vizinha está bombando. Diante disso, você resolve descobrir quais são as estratégias usadas por ele para conseguir potencializar esse negócio e prosperar de maneira consistente.

Essa ação, ainda que inconsciente, é chamada de benchmarking. Ou seja, você resolveu analisar com profundidade os aspectos usados pelo concorrente, para então, tentar replicá-los em seu negócio.

No Marketing, existe um outro nome para o benchmarking, a “engenharia reversa” – onde ocorre um processo contínuo de mensuração e comparação de resultados.

Em suma, isso é saudável para manter a “roda girando”, fazendo com que haja uma rotatividade maior e mais justa dos ganhos de um determinado segmento.

Qual a importância do Benchmarking?

Você já deve ter percebido que por meio do benchmarking é possível tirar sua empresa do buraco, assim como, você será capaz de criar maior destaque para ela.

Além disso, dá para desenvolver melhorias para o empreendimento, afinal, ao fazer benchmarking muitos insights começam a surgir, tornando as ações mais assertivas e efetivas.

Em resumo, o benchmarking serve como uma bússola que te ajuda a ter um rumo a seguir.

Os Benefícios de fazer Benchmarking

  • Compreender quais são as Práticas de Sucesso dos concorrentes para aplicá-las em seu negócio;
  • Buscar inovações para sair à frente no mercado;
  • Adquirir experiência em áreas, até então, pouco ou nada, exploradas em seu negócio;
  • Trabalhar um plano de ação eficiente e habilidoso para crescer a empresa a médio e longo prazo;
  • Fortalecer a marca da empresa perante os concorrentes e os clientes;
  • Procurar reduzir gastos e aumentar a produtividade e margem de lucro.

Lembrando sempre que isso não funciona na base da cópia. Pelo menos, não de maneira literal.

Não é para sair copiando os preços, o logotipo, os anúncios etc – dos seus concorrentes. Não é assim que o benchmarking funciona!

A ideia é implementar metodologias e práticas usadas pelos concorrentes, do contrário, você poderá acabar sentindo o efeito contrário dessa estratégia. Como resultado, espantará os concorrentes ao em vez de atraí-los.

Leia também: “5 Sinais de que as Finanças de sua Empresa não vão Bem”

Como fazer Benchmarking Corretamente?

E agora que você já entendeu o conceito e já conhece os benefícios de aplicar essa estratégia em seu negócio, vamos aprender como fazer benchmarking na prática:

Pesquisa de Mercado e Análise de Campo

Em primeiro lugar você precisa saber que tem um problema. E como descobrir isso?

Faça as seguintes perguntas, relacionadas a pesquisa de mercado:

  • “Meu negócio está tendo lucro?”
  • “O nicho escolhido por mim, tem demanda?”
  • “Estou conseguindo fidelizar os clientes?”
  • “Meus concorrentes vendem mais que eu?”

Feito isso é hora de começar a analisar os concorrentes de maneira sutil (não precisa bater à porta de ninguém para perguntar algo relacionado a isso, ok?).

Para descobrir o que seus concorrentes estão fazendo, comece analisando quais são as ações usadas pela concorrência, como por exemplo:

  • Publicações em sites, blogs e redes sociais;
  • Uso de Outbound Marketing (panfletos, outdoors, propagando em rádio e tv etc);
  • Avaliações de clientes no Google Meu Negócio;
  • Entre outros.

Participação em Eventos Relacionados ao seu Segmento

Outra maneira de fazer benchmarking  é participar de eventos na sua área.

Quando você participa de feiras, conferências e palestras, por exemplo, consegue interagir com outros empresários da área e assim, consegue “roubar insights”, que até então, estavam passando despercebidos por você.

Procure também por materiais na internet. Existem muitos profissionais do marketing que dão palestras online e poderão te ajudar a dominar estratégias essenciais para o seu negócio.

Visite seu Concorrente

Nada melhor do que dar aquela voltinha no empreendimento do concorrente.

A ideia é observar como funciona alguns pilares essenciais do negócio dele. Como por exemplo:

  • Como os colaboradores fazem o atendimento;
  • Quais são os preços praticados por eles;
  • Qual o volume de produtos ou serviços que o concorrente oferece;
  • Quantos clientes eles recebem em média, por hora dentro da loja ou empresa;
  • Etc.

Contrate uma Mentoria

Por fim, a dica é contratar uma mentoria.

Através de um mentorado você conseguirá analisar de uma perspectiva mais robusta.

A ideia é olhar pelo ponto de vista de quem já tem experiência no mercado e já passou pelas mesmas dificuldades que você. Nesse sentido, “seu mentor” precisa ser do ramo e deverá te ajudar a despertar para aspectos que você ainda não conseguiu enxergar sozinho(a).

Bom, por hoje é isso!

Espero que você tenha compreendido que fazer Benchmarking é essencial para o crescimento de um negócio, seja ele físico ou digital.

E se você tiver um negócio digital, aproveite para Se Inscrever em Meu Canal do Youtube. Basta Clicar Aqui para receber aulas completas de Marketing Digital.

Um abraço e até a próxima!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CONTEÚDO EXCLUSIVO!

Receba Dicas e Estratégias de marketing digital diretamente em seu e-mail!

Estratégias TESTADAS E COMPROVADAS!